Google+ Followers

terça-feira, 29 de outubro de 2013

|CineFacom| Alexandre Robatto

Cinefacom exibe filmes restaurados de Alexandre Robatto
Na última quarta-feira do mês de outubro (30), o CineFacom - Mostra Audiovisual dos Estudantes da UFBA - promove uma mostra especial com dois curtas-metragens do cineasta baiano Alexandre Robatto, Entre o mar e o tendal (1953) e Vadiação (1954). Os curtas foram restaurados pelo cineasta e estudioso da obra de Robatto, Petrus Pires, também diretor do documentário Os filmes que não fiz (2013), que será exibido na mostra. A sessão acontecerá no auditório da Faculdade de Comunicação (Facom) da Universidade Federal da Bahia (Ufba), às 19 horas. Ao final da mostra, a atriz e escritora Sônia Robatto, o cineasta Petrus Pires e a coordenadora da Sala de Arte da UFBa, Bete Barbosa, participarão de um debate sobre os filmes exibidos.

Maiores Informações:

|HOJE TEM| Circo, Choco e Riso


sexta-feira, 25 de outubro de 2013

|ARENA DOS DJ'S| Discotecagem brasileira em cena


Mistura de ritmos marca as três edições do projeto que reúne grandes nomes da discotecagem brasileira da atualidade
 
No dia 25 de outubro, às 22h, o Espaço 116°, no Rio Vermelho – Antigo Tarrafa - vai ferver com a primeira edição do projeto Arena de Djs, com apresentações dos DJs Gug, Mauro Telefunksoul e Raíz. O projeto consiste em três apresentações mensais, de outubro a dezembro de 2013, no bairro mais boêmio e inspirador de Salvador. Após a edição do dia 25, o Espaço 116° recebe os DJs Dudoo Caribe e Sankofa no dia 23 de novembro e os Djs Leandro Vitrola e Branco no dia 13 de dezembro.

Mesclando ritmos brasileiros, africanos e caribenhos, o evento pretende ser mais um forte aliado do momento atual de revalorização da produção musical regional e recuperação de raízes culturais, aquecendo a cidade com a fusão de música de raiz com a ‘modernidade tecnológica’ mas sem se distanciar do uso das pick ups e dos vinis. 

Assim, nesta Arena de Djs, os já consagrados Mauro Telefunksoul, Gug, Raíz, Dudoo Caribe, Sankofa, Leandro Vitrola e Branco fundem estilos como Dutch House, Breakbeat, Moombahton, Dubstep, Drum’n’Bass, Black Music, Rap, Ragga, Dancehall, Reggae, Dub e vertentes da música brasileira como o samba, bossa nova, maracatu e a nova MPB.
 
Serviço:
Arena de Djs
Local: Espaço 116° - Antigo Tarrafa – Rio Vermelho
Datas: 25 de outubro, 23 de novembro e 13 de dezembro de 2013.
Horário: 22h
Ingresso: R$ 10,00
 
Atrações
25/10 – DJ Gug, DJ Mauro Telefunksoul e DJ Raíz.
23/11 – DJ Dudoo Caribe e DJ Sankofa.
13/12 – DJ Leandro Vitrola e DJ Branco.

|OPORTUNIDADE| Iphan divulga edital de concurso

As oportunidades são para as áreas de Logística, Arqueologia e Arquitetura ou Engenharia Civil


O Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) publicou no Diário Oficial desta terça-feira (22), o edital do seu concurso público com 163 vagas temporárias. As oportunidades são para as áreas de Logística, convênios e contratos (31 vagas para graduação em qualquer área e com remuneração inicial de R$6.130), Arqueologia (80 vagas) e Arquitetura ou Engenharia Civil (52 vagas). Para estas duas áreas, o salário inicial é de R$8.300. Para se candidatar, é preciso ter experiência prévia. A carga horária é de 40h semanais. 


Os contratos terão duração inicial de um ano, podendo ser prorrogados por, no máximo, cinco. As vagas estão distribuídas pela sede, em Brasília, e por unidades do Iphan em todas as capitais de estado. As inscrições poderão ser feitas a partir da próxima sexta-feira (25) e vão até o dia 18 de novembro através do site do Iades, organizador da seleção. A taxa de inscrição é de R$70 para as funções de Logística, Convênios e Contratos, e de R$66 para todas as demais funções.  As provas objetivas, com questões sobre Conhecimentos Gerais e Específicos, estão marcadas para 15 de dezembro, em Brasília e em todas as capitais de estado. Haverá também Avaliação Curricular.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

|BIBI FERREIRA| Show HISTÓRIAS E CANÇÕES



BIBI FERREIRA CHEGA A SALVADOR COM SEU  SHOW “HISTÓRIAS E CANÇÕES” NO TCA

Sucesso absoluto de público e crítica na temporada nacional, agora é a vez de Salvador aplaudir Bibi Ferreira no espetáculo Bibi- Histórias e Canções, nos dia 26 de Outubro (Sábado), às 21h, e no dia 27 de Outubro (domingo), às 20h, na sala principal do Teatro Castro Alves. Além das principais capitais brasileiras, o espetáculo já foi apresentado com sucesso em Lisboa e no Lincoln Center, em Nova Iorque, numa noite apoteótica com um dueto emocionado da cantora brasileira com Liza Minnelli, na canção “New York, New York”. Em Salvador, Bibi Ferreira será acompanhada pela Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), regida pelo maestro Flávio Mendes. O espetáculo é uma realização da Tom Tom Produções e Marlucia Sie.

Com 91 anos bem vividos, “Dona Bibi”, como é carinhosamente chamada por amigos, esbanja talento, fazendo das apresentações pura poesia. Com seu humor perspicaz, a atriz faz uma encenação prazerosa para os ouvidos e para a alma.  As músicas ecléticas em diversos gêneros e idiomas são intercaladas por histórias que nortearam a vida da artista em sete décadas de uma aclamada carreira nos palcos, televisão e cinema.

No palco, alguns momentos marcantes da carreira da artista, como “Minha querida Lady” (adaptação de 1962 do musical “My fair lady”), “Alô Dolly” (de 1965, adaptação de “Hello, Dolly”), “Gota d’água” (Chico Buarque 1975), “Piaf, a vida de uma estrela da canção” (1983) e “Bibi Ferreira vive Amália Rodrigues” (2001). O repertório também reúne canções inéditas, interpretações de canções brasileiras de compositores consagrados, entre eles, como Chico Buarque, Noel Rosa, Tom Jobim e Vinícius.

OSBA

Em Salvador, a diva maior do teatro brasileiro será acompanhada por músicos da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), uma parceria inédita que promete um show inesquecível nesta sua turnê. A OSBA já acumula em seu currículo concertos nos quais acompanhou grandes nomes da música clássica como Luciano Pavarotti e Montserrat Caballé.

BIBI FERREIRA

Em julho, a herdeira do ator Procópio Ferreira (1898-1979) completou 91 anos. Uma carreira vitoriosa, iniciada ainda bebê nos palcos, quando aos três meses substituiu uma boneca desaparecida no camarim ao entrar em cena nos braços da Abigail Maia, vedete da companhia, na peça “Manhãs de Sol”, escrita por Oduvaldo Vianna, seus padrinhos. Gritaram: “Pega a filha do Procópio!”. Assim, Bibi entrou em cena e não parou mais. Entre seus sucessos estão comédias e musicais americanos, como My Fair Lady e Hello, Dolly!. Depois vieram Brasileiro, Profissão Esperança e os espetáculos com repertório de Amália Rodrigues e Edith Piaf. Há 30 anos se apresenta com canções de Piaf.

SERVIÇO

Bibi Ferreira Histórias e Canções

Data: Dias 26 e 27 de outubro de 2013

Horário: Sábado, às 21hs e domingo, às 20hs.

Local: Teatro Castro Alves

Preço: R$480 (inteira) Filas de A a V – R$300 (inteira) Filas de W a Z11

Ingressos à venda nas bilheterias do Teatro Castro Alves e no SAC dos shoppings Iguatemi e Barra.

Informações: (71) 3117 4899

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

|PARABÉNS| Nesta Sexta 07 Anos do Grupo Botequim

EVENTO: COMEMORAÇÃO DE 7 ANOS DO GRUPO BOTEQUIM
QUANDO: 25.10.2013 (ULTIMA SEXTA-FEIRA DO MÊS)
LOCAL: PÁTIO DA IGREJA DO SANTO ANTÔNIO ALÉM DO CARMO, QUE FICA NA LARGO DO BAIRRO SANTO ANTÔNIO
HORA: 21:00Hs
QUANTO: R$ 10,00

SAMBA
“Samba quando vens aos meus ouvidos 
Embriaga os meus sentidos 
Trazes inspiração 
A dolência que possuis na estrutura 
É uma sedução 
Vai alegrar o coração daquela criatura 
Que com certeza está sofrendo de paixão 
Samba, soprado por muitos ares 
Atravessastes os sete mares 
Com evolução 
O teu ritmo que te torna ainda mais ardente 
Quando vem da alma de nossa gente 
Eu quero que seja sempre meu amigo leal 
Não me abandones não 
Vejo em ti o lenitivo ideal 
Em todos os momentos de aflição 
És meu companheiro inseparável de tradição 
Devo-lhe toda a gratidão 
Samba, eu confesso é da minha alegria 
Eu canto para esquecer a nostalgia.” (“Apoteose ao Samba”, Silas de Oliveira/ Mano Décio)

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

|VIRA SAIA| Teatro GamboaNova



O Grupo mineiro/baiano Vira Saia promete agitar o Teatro Gamboa Nova com muita música e um espetáculo completo sobre a cultura popular brasileira, intitulado Maracá.
O Vira Saia nasceu na cena da música independente mineira, unindo pesquisa, intercâmbio e criação musical a partir de estilos como o chorinho, o jazz e a música popular brasileira em todos os seus matizes. Em 2012 migra-se para Salvador, onde inicia denso trabalho artístico com compositores e músicos residentes na Bahia, incorporando ao seu cancioneiro as maiores influências do nordeste e norte brasileiro.
GRUPO VIRA SAIA - TEATRO GAMBOA NOVA (aflitos)
Sexta e Sábado às 20h 
Ingressos as venda no local: R$ 20,00 (inteira) / 10,00 (meia)
Informações: 3329-2418

terça-feira, 8 de outubro de 2013

|DIVERSÃO| FDS EM VISTA

QUINTA-FEIRA:
Show intimista da cantora baiana Márcia Short
Quinta-feira (10.10.2013), às 21h
Red River Café (Largo da Mariquita - Rio Vermelho)
Couvert Artístico: R$ 25,00

SEXTA-FEIRA:
Ao lado de Cortejo AfroBaianaSystem traz de volta o clássico som da guitarra baiana para o Pelourinho, tendo como característica uma música urbana com influências das culturas brasileiras, africana e jamaicana.
Sexta-feira (11.10.2013), às 21h
Largo Tereza Batista (Pelourinho)
Ingressos a venda no local: R$ 40,00 (inteira)/ R$ 20,00 meia

SÁBADO:
Gal Costa - Show Recanto | Caetano Veloso - Show Abraçaço
Sábado (12.10.2013), às 20h
Praia do Forte
Ingressos: R$ 160,00 | R$ 80,00 (pista) e R$ 260,00 | R$ 130,00 (camarote)

DOMINGO:
A cantora e compositora interpreta canções de Jarbas Bittencourt, Ray Gouveia, Tito Bahiense e Tércio Guimarães no show 'E Tenho Dito'.
Domingo (13.10.2013), às 17h
Teatro Gamboa Nova (Aflitos)
Ingressos: R$ 10,00

DOMINGO:
Arnaldo intercala as novas canções com sucessos antigos da carreira, como 'Atenção', 'Contato Imediato' e 'Invejoso'.
Domingo (13.10.2013), às 19h
Teatro Castro Alves (Campo Grande)
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) | R$ 30,00 (meia)

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

|CIRCO, CHORO e RISO| Terças no Picolino

Circo, Choro e Riso, o show multimídia que mistura música, cinema e circo através da linguagem do humor segue em temporada, às terças-feiras, no Circo Picolino, em Pituaçú. O show começa às 20h.
Os artistas convidados vêm marcando presença ao lado de Jonga Lima, Tito Bahiense e Os Carinhosos, trazendo alegria e boas vibrações para o projeto, com música envolvente, performances e improvisações.
A formação musical d'Os Carinhosos conta com: Jonga Lima (violão, voz e escaleta), Tito Bahiense (violão e voz), Daniel Velloso (violão 7 cordas), Fabrício Rios (bandolim e cavaquinho), Bóka Reis (percussão) e Ricardo Hardmann (percussão).
Durante o show, vj Carlinhos projeta cenas de filmes, cartoons animados e esquetes de humor numa tela de cinema que interage com os músicos de forma cenográfica. No passo do vagabundo Carlitos, na melodia do choro brasileiro, na corda bamba, a roda de samba, a piada e o Circo, Choro e Riso, uma ótima opção de arte, cultura e lazer na orla marítima de Salvador.

CONTATO:
CIRCO, CHORO E RISO
Macaco Beleza Produções Artísticas | (71) 8886-3439

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

|UNEB SEDIA| II FÓRUM DE EDUCAÇÃO MUSICAL

O II FEMBA acontecerá de 16 a 18 de outubro de 2013 no Teatro da UNEB e no DEDC I da UNEB – Campus I – Cabula, e está aberto para inscrições no endereço: www.femba.org
Durante três dias acontecerão conferências, mesas de debate, grupos de trabalho, comunicações e apresentações musicais para debater, refletir e construir o ensino de música nas escolas com qualidade, criatividade e diversidade musical, para a qual profissionais, estudantes e interessados em educação musical, estão convidados. O II. FEMBA apresenta o eixo “Música e Cultura: Desafios para a Educação Musical”, dando continuidade e suporte acadêmico á implementação da Lei Nº 11.769, instituindo a obrigatoriedade do ensino da Música na Educação Básica, reforçando 10 anosda Lei 10.639 do ensino obrigatório da historia e cultura africana, afro-brasileira e indígena. O II. FEMBA representa mais um passo nesta direção, tematizando a relação entre Música e Cultura nos processos educacionais e artísticos, comprometendo a missão da UNEB, para gerar excelência no Ensino, na Pesquisa e na Extensão em todo território da Bahia. A Bahia se destaca pela sua cultura e musica negra que precisa ser incluído nos currículos e repertórios musicais, o que vem sendo reforçado pelo tema do Fórum com convidados internacionais da TulaneUniversidade de NewOrleans e da Universidade de Música de Maputo - Moçambique.
Contatos e informações: www.femba.org

|NESTE SÁBADO| Aquarela do Samba em dose dupla


Grupo Aquarela do Samba faz show no Jardim de Alah
Boteco do Aquarela, enquanto o Clube Campomar estiver em reforma, será realizado no Restaurante Vellas DÍçar, na Avenida Otávio Mangabeira, 3587, no Hotel Alah Mar, no Jardim de Alah, em plena Orla de Salvador. No próximo sábado, dia 05.10, a partir das 12h, acontece a grande feijoada com show do Aquarela do Samba no novo espaço, sempre com boa comida, boa bebida, boa companhia e o melhor do samba com o Aquarela do Samba ! E tem mais novidades ! Quem for vai poder curtir as canções lançadas no novo CD do grupo, o “Alforria”, que é totalmente autoral ! O ingresso custa R$ 50,00, all inclusive, e as reservas podem ser feitas através dos telefones (71) 9199-7411 e 3452-1742 (Wilson Sales), (71) 9169-3889 (Edmar Cardim), 3013-1003 ou 3013-1004 (Vellas D’Içar) ou pelo email:banda@aquareladosamba.com.br.

Aquarela doSamba promove mais uma deliciosa saída com o BarcodoSamba
No próximo dia 12.10, sábado, às 20h30, tem mais uam saída do projeto Aquarela no Mar - Barco do Samba, que promove saídas com o Grupo Aquarela do Samba fazendo show em plena Baía de Todos os Santos, em uma escuna. Nesta temporada, que tem o patrocínio da Schincariol, através do FAZCULTURA – Secretaria da Cultura / Secretaria da Fazenda da Bahia, os ingressos custarão mais barato,  R$ 40 inteira e R$ 20,00 meia, sem bebidas nem buffet inclusos. O Barco do Samba sai do Terminal Náutico de Salvador, no Comércio. À bordo, a banda “Aquarela doSamba, o Resgate do Samba Clássico”, interpretando o melhor do samba de todos os tempos. Do Terminal Náutico, todos seguem até o Porto da Barra, e depois para Ponta de Humaitá, de onde retornam ao Terminal Marítimo . Quem desejar participar deve ligar para 71 9199-7411 (Wilson Sal es) ou 71 9169-3889 (Edmar Cardim) , ou enviar e-mail para banda@aquareladosamba.com.br para reservar.

Acesse www.aquareladosamba.com.br e caia no samba !

Aquarela do Samba é um grupo formado por profissionais admiradores do verdadeiro samba clássico. Amigos que se reuniram para tocar músicas que emocionam, que tem qualidade, que deixam marca e boas lembranças. O grupo também tem composições próprias, como as músicas “Falando do Samba no Brasil” - música e letra de Wilson Sales Barreto e “Agradeço ao destino por esse amor” letra de Wilson Sales Barreto e música de Horácio Reis, que estão sendo executadas nas rádios, assim como "Quem sou eu" e "Respeito é bom e eu gosto". Com várias apresentações em emissoras de TV, rádios, teatro, bares e eventos dentro e fora do estado, levando consigo uma legião de fãs que os acompanham por onde vão o Aquarela do Samba é um sucesso idealizado por Wilson Sales Barreto e Edmar Cardim.
Serviço :
Boteco do Aquarela - Sábado, dia 05.10, às 12h, no Restaurante Vellas DÍçar, no Hotel Alah Mar, no Jardim de Alah - R$ 50,00 all inclusive -Censura livre
Barco do Samba - Sábado, dia 12.10, às 20h30, saída do Terminal Marítimo, no Comércio - R$ 40,00 e R$ 20,00 -Censura livre

|MAGARY LORD| Nesta Sexta no Municipal Lounge Bar


Yêba! Yêba! Nesta sexta-feira (04/10), às 22h, o cantor Magary Lord, sobe ao palco do Municipal Lounge Bar, para fazer todo mundo dançar ao som do seu Black Semba – ritmo inventado por ele, que tomou as ruas da capital baiana e conquistou Salvador. E se enganam aqueles que acham que por ter sido uma das principais figuras dos últimos carnavais, na Bahia, Magary faz axé music. Ele tem um jeitinho diferente e toca o Black Semba – mistura da Black Music com o Semba de Angola (chamado no Recôncavo Baiano de Umbigada) com certa influência do Kuduru e da Chula. Essa mistura de ritmos com arranjos sempre inspirados embasados na voz firme de Magary vem nas melodias e letras, que falam principalmente do cotidiano, do inusitado, do amor. Resultado, ninguém consegue ouvi-las parado, sem ousar um passo ou outro, tamanha é a volúpia do swing colocado nelas.
Magary fez sua estreia em uma grande gravadora e lançou um CD cujo título não podia ser diferente: O álbum, distribuído pela Universal Music, apresenta o músico, que é uma unanimidade na Bahia, para o resto do país.
“Magary Lord - Inventando Moda”
 Muitas das suas canções já são conhecidas pelos baianos, afinal a música de Magary Lord está presente nas barracas de praia, nos sobrados do Centro Histórico e vielas do Pelourinho, nas praças e largos, sempre acompanhada pessoas cheias de swing, movimentando os joelhos, ombros, cintura, cabeça, com muitas (muitas mesmo) pitadas de sedução. O som de Magary inventa moda junto com performances teatrais populares e de rua, enraizadas nas matrizes africanas, o que deixa tudo ainda mais espetacular.


SERVIÇO
Show de Magary Lord
Data: Sexta (04/10), às 22h
Local: Municipal Lounge Bar (Paulo VI, Pituba)
Passaporte:
Feminino: R$ 20,00 / Masculino R$ 40,00

|QUINTAS| Choro do Uirapuru

|OUTUBRO ROSA| Vista essa causa!

   O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama. 
A história do Outubro Rosa remonta à última década do século 20, quando o laço cor-de-rosa, foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, em 1990 e, desde então, promovida anualmente na cidade (www.komen.org). 

   Em 1997, entidades das cidades de Yuba e Lodi nos Estados Unidos, começaram efetivamente a comemorar e fomentar ações voltadas a prevenção do câncer de mama, denominando como Outubro Rosa. Todas ações eram e são até hoje direcionadas a conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce. Para sensibilizar a população inicialmente as cidades se enfeitavam com os laços rosas, principalmente nos locais públicos, depois surgiram outras ações como corridas, desfile de modas com sobreviventes (de câncer de mama), partidas de boliche e etc. (www.pink-october.org).
   A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros e etc. surgiu posteriormente, e não há uma informação oficial, de como, quando e onde foi efetuada a primeira iluminação. O importante é que foi uma forma prática para que o Outubro Rosa tivesse uma expansão cada vez mais abrangente para a população e que, principalmente, pudesse ser replicada em qualquer lugar, bastando apenas adequar a iluminação já existente.
   A popularidade do Outubro Rosa alcançou o mundo de forma bonita, elegante e feminina, motivando e unindo diversos povos em em torno de tão nobre causa. Isso faz que a iluminação em rosa assuma importante papel, pois tornou-se uma leitura visual, compreendida em qualquer lugar no mundo. Cada ano vem aumentando a adesão ao movimento mundial "Outubro Rosa", que visa chamar atenção, diretamente, para a realidade atual do câncer de mama e a importância do diagnóstico precoce.

O B J E T I V O

   Aqui estão reunidas desde as primeiras iniciativas, até as que atualmente manifestam-se no mundo.
   O objetivo deste site é divulgar, de modo simples e verdadeiro, todas as contribuições de vários segmentos da sociedade em relação a esta ação mundial, que embeleza com seu tom rosa, nas mais diversas nuances, monumentos e locais históricos, no sentido de nos mostrar, de modo belo e feminino, a importância da luta contra o câncer que mais mata mulheres em todo o mundo.
   O importante é, na realidade, focar este sério assunto nos 12 meses do ano, já que a doença é implacável e se faz presente não só no mês de outubro. No entanto, este mês é representativo para a causa, tornando-se especial e destacado dos demais. 
   Ninguém é dono desta iniciativa. Simplesmente desejamos contar a história como ela é, respeitando aqueles que, muitas vezes de modo anônimo, prestaram a sua homenagem e manifestaram seu acolhimento à causa.
   Nos ajude a complementar a história e eventos realizados, enviando fotos e artigos para o e-mail: contato@outubrorosa.org.br