Google+ Followers

sábado, 3 de dezembro de 2011

|SÁBADO| PARADINHA – 1º Parada Cultural Gay


Terá Negra Jhô como Rainha, Fernando Guerreiro e Rita Batista como Padrinhos…
O projeto visa trazer para o bairro eleito pelos boêmios e intelectuais de Salvador um evento que traga toda a sensibilidade das manifestações culturais para uma “parada” pela conscientização contra a “Homofobia”. O nome ‘Paradinha” foi escolhido carinhosamente por ser um evento de menor proporções e também por ser totalmente voltado para uma programação cultural, com charangas, fanfarras e bloquinhos de rua. As atrações são DJ PimentaBanda LimusineBus LatinoDJ Phepz, participação de Marcia ShortJ. VelosoDJ SankofaMarília SodréStella MarisKarol Guaitolini e exposição de fotos de Lara Lins.

Paradinha será no tradicional Largo de Dinha, famoso pelo acarajé de Dinha (in memorim), o nome também é uma homenagem à quituteira. Com um palco bem pequeno as atrações serão recital de poesia, grupos musicais e performances de teatro, circo e dança. Idealizado pela produtora cultural Luzia Moraes, a Paradinha tem intenção de lembrar os carnavais de antigamente, com muita alegria, descontração, segurança e conscientização. Para isso o parceiro nesta jornada é o Grupo “Gapa Bahia” presidido por Harley Henriques que vai mobilizar a população do bairro do Rio Vermelho atuando com seus pilares de preservação, comunicação e educação. Outro grande parceiro é o site “Dois Terços” que vem tendo grande destaque no cenário cultural da cidade e no segmento LBGT. O site entra na co-produção do evento e na assessoria de imprensa do mesmo.
A Paradinha terá a jornalista Rita Batista como madrinha, o renomado diretor de teatro Fernando Guerreiro o grupo 3 na Foliacom as cantoras Claudia Cunha, Sandra Simões e Manuela Rodrigues serão as princesas e a rainha Negra Jhô. Quem assina a arte das faixas é o artista plástico Thiago Bols, sendo que a hora da entrega será com a cantora Juliana Ribeiro cantando o Hino Nacional, como ela fez este ano na tradicional “Parada Gay” do Campo Grande.
A concentração começa às 17h e termina às 22h, dia 03 de dezembro, um sábado. A Paradinha busca trazer a arte, a liberdade e por isso escolhe o bairro do Rio Vermelho para realizar a 1º Parada Cultural Gay – com atrações alternativas, um público menor e muita alegria!
Realização: Ofá Produções, Gapa Bahia, Dois Terços
ContatosLuzia Moraes -Ofá Produções
luzia.ofa@gmail.com

Nenhum comentário: